Programa de Certificação de Terneiros Devon

Este programa tem a finalidade de definir os processos referentes à certificação de terneiros da raça Devon e suas cruzas. Os procedimentos aqui descritos visam agregar valor ao terneiro Devon e garantir desempenho zootécnico e qualidade ao comprador. Além disso, este programa visa garantir ao terminador a aquisição de animais que atendam ao padrão fenotípico da raça Devon para que se enquadrem no programa Carne Devon certificada no tocante à composição racial.

O Programa de Certificação de Terneiros Devon é uma atividade de fomento da Associação Brasileira de Criadores de Devon (ABCD) que visa identificar, diferenciar e agregar valor ao terneiro Devon e cruza Devon.

Objetivos

O Programa de Certificação de Terneiros Devon tem como objetivos:
• Identificar o terneiro Devon e cruza Devon;
• Agregar valor ao terneiro certificado;
• Fomentar a utilização de touros Devon registrados;
• Garantir qualidade e desempenho ao comprador de terneiros para recria e terminação;
• Garantir qualidade e desempenho ao comprador de fêmeas para reprodução;
• Garantir o padrão fenotípico para enquadramento no programa Carne Devon Certificada;
• Canalizar a produção de terneiros para o programa Carne Devon Certificada;
• Programa aprovado pela CNA, conforme memorial. Clique aqui para acessar.

Quem pode requerer a certificação de terneiros Devon

Produtores de todo o Brasil, associados ou não à ABCD, que possuam terneiros Devon e cruza Devon podem solicitar a inspeção de seus animais com fins de certificação.

Quem certifica

Todos os inspetores técnicos da raça Devon estão aptos a realizar a certificação. Somente os inspetores técnicos da raça Devon poderão certificar terneiros Devon.

 

Critérios para Certificação

Animais Devon puros devem apresentar o padrão fenotípico da raça, podendo ser mochos ou aspados e de pelagem ruby.
Em animais cruza Devon, serão aceitos animais de pelagem predominantemente ruby, mochos ou aspados, com no mínimo 50% de sangue Devon e no máximo 38% de genética zebuína.
Em casos de animais machos e fêmeas cruza Devon com outras raças européias, cuja pelagem não seja predominantemente ruby, estes só poderão ser certificados ao pé da vaca. Caso a vaca não seja Devon definida, o terneiro só poderá ser certificado mediante apresentação dos touros pais Devon registrados, com apresentação do registro dos mesmos, ou nota de sêmen de touro Devon para o Inspetor Técnico.
Não serão aceitos machos e fêmeas de pelagem baia ou barrosa.
Só serão certificados terneiros machos castrados.
Não serão aceitos animais com genética de raças leiteiras.
Em caso de dúvida, o inspetor técnico poderá solicitar amostras para exame de DNA ficando os custos a cargo do produtor.
Serão certificados machos e fêmeas apenas com dente de leite.

 

Idendificação

1. Brinco
Os terneiros certificados serão identificados com o brinco padrão do Programa de Certificação de Terneiros Devon. O brinco será da cor vermelha, com numeração seqüencial de controle da ABCD.

O brinco será intransferível e sua numeração será extinta após o abate do animal.
Além do brinco, cada animal receberá um certificado com características fenotípicas como garantia de identidade e não transferência de brincos entre animais.

Investimento

O produtor pagará à ABCD o valor de R$ 3,00 por terneiro certificado. Nesse valor estão incluídos o brinco e o certificado emitido pela ABCD.
Os honorários do técnico serão de 50kg de boi gordo por visita até 100 terneiros. Acima de 100 terneiros será acrescido 0,5kg de boi gordo por terneiro. Esses valores devem ser acertados diretamente entre produtor e técnico, assim como despesas de deslocamento.

Procedimento operacional

O produtor interessado em certificar seus terneiros Devon deverá entrar em contato com a ABCD ou diretamente com um inspetor técnico da raça (lista dos inspetores técnicos disponível no site da ABCD e da ANC) para agendar uma visita. Nesse momento, o produtor deverá informar o número de animais a ser vistoriado.
O técnico deverá solicitar à ABCD o número de brincos para atender à totalidade da demanda agendada.
Na propriedade, o técnico preencherá uma ficha de cadastro do produtor no Programa de Certificação de Terneiros Devon.
O técnico vistoria e seleciona os animais aptos à certificação, realiza a colocação do brinco do programa, preenche a planilha de campo e o boletim de visita em duas vias.
O boletim de visita deverá ser entregue ao produtor ao final da visita, ficando uma via para o técnico. A planilha de campo e a ficha de cadastro devem ser enviadas pelo técnico de forma digital para a ABCD.
O técnico deverá devolver à ABCD os brincos que não forem utilizados na visita.
Com base na planilha de campo, a ABCD emitirá um boleto com o valor a ser pago. Após a confirmação de pagamento, a ABCD enviará ao produtor um certificado para cada animal que recebeu o brinco do programa.

Dúvidas

A Associação Brasileira de Criadores de Devon se coloca inteiramente à disposição para dirimir dúvidas e ouvir sugestões através do e_mail devon.carnecertificada@gmail.com.br e dos telefones (53) 3227-8556 / (53) 99958 – 1838.